terça-feira, 18 de agosto de 2009

Antes do ritual...

Algumas coisas que você precisa saber:

Oito passos básicos em rituais wiccanos

Purificação própria;
Purificação do espaço;
Criação do espaço sagrado;
Invocação;
Observação dos rituais (Sabbats e Esbats);
Criação de energia (durante a magia);
Canalização do poder;
Quebra do círculo.

Hoje, eu vou dar início aos posts com relação esses passos, para você aprender o que é, e como se faz cada um deles. Então, vamos parar de “blá, blá, blá” e falar do que interessa, dando início:

Purificação Pessoal

Ela é extremamente necessária para que a magia seja direcionada corretamente. Você não pode ir fazer um feitiço de amor, pensando nas contas que estão para serem pagas, o feitiço simplesmente não será eficiente, ou se não, o bancário se apaixonará por você... está vendo a confusão!

Consiste em banhar-se, passar óleo corporal, meditar, respirar e purificar o corpo.

Os banhos rituais são super comuns. Pode-se tomar banho com essências, velas, incensos, sais de banho e tudo que você quiser. É importante também, deixar os pensamentos fluírem, liberando todas as tensões e preocupações, para que elas não interfiram em nada, ok!? Eles podem ser: em banheiras, chuveiros, cachoeiras, praias, lagoas, rios, riachos... tanto faz, você escolhe de acordo com suas necessidades, vontades e possibilidades.

Outro método de purificação pessoal é: ficando de pé em uma corrente de vento, e visualize-o levando todos os assuntos preocupantes para longe de você.

Pode ser usado, também, a música: tambor, sinos, gongos, etc... Você pode tocá-los e deixar-se envolver por essas vibrações e desprender-se de sua consciência.

Deitar-se sobre o solo e observar o céu, é uma ótima maneira de desligar-se e sintonizar-se com as energias da Deusa, uma vez que ela é representada pela terra; e com as energias do Deus, que é representado pelo céu. Essa purificação, além de ser maravilhosa. É também um exercício que pode ser feito sempre que possível, pois pode ser muito revigorante.

É muito importante não pensar no encantamento que se seguirá, somente deixe os pensamentos fluir e sumirem... sua mente deve estar limpa, de forma que nada passe por ela, concentre-se e deixe as emoções explodirem em seu ser!

Uma dica legal, é que você pode fazer todas essas purificações pessoais, mesmo sem precisar fazer o ritual posteriormente, é uma forma de treinar.

Respiração

Quem vive sem respirar? Já um ato involuntário... você sabe que faz, mas nem percebe! Para os orientais, esse é um hábito muito importante. Já que, nesses locais a prática da meditação faz parte da cultura.

O simples ato da respiração pode induzir estados alterados de consciência, porém é necessário que a faça corretamente. Uma respiração perfeita deve usar o diafragma (localizado abaixo do umbigo), empurre-o para fora e infle totalmente os pulmões.

Quando você for praticar a respiração procure arrumar uma posição confortável, seja deitado, sentado, não importa. Relaxe totalmente o seu corpo. Inspire pelo nariz, até que complete os seus pulmões e diafragma, espere alguns segundos e solte pela boca, numa contagem lenta. Repita reduzindo a freqüência. É necessário que ela seja calma e que você nunca prenda ela por mais tempo que lhe é confortável.

Concentre-se em sua respiração. Quando inspirar, visualize-se inalando paz, amor, saúde, felicidade, harmonia, e todos os sentimentos bons. Quando expirar, sinta que todas as tensões, problemas, ódio, rancor, amargura, sentimentos negativos para fora.

Esse tipo de técnica é utilizado sempre antes dos rituais. É interessante você treinar também todos os dias, você pode ter uma noite maravilhosa de sono depois de um exercício como esse.

Bem, meus queridinhos, amanhã tem mais! Não esqueçam de dar uma passadinha aqui, ok?!


Beijinhos e abençoados sejam...

4 comentários:

Postar um comentário